sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

DEIXEI A RELIGIÃO, A RELIGIOSIDADE, DEIXEI DE SER RELIGIOSO



Religiosidade - substantivo feminino
1. Qualidade do que é RELIGIOSO.
2. Tendência para os sentimentos religiosos, para as coisas sagradas.

Há uma enorme confusão quando se trata desse assunto. É comum ouvir alguém dizer: “Eu não preciso orar mais de joelhos, isso é religiosidade!”, outros ainda afirmam: “Eu uso a roupa que eu quiser, porque não quero mais viver na religiosidade. Quem se escandalizar com as minhas roupas, o problema não é meu, porque eu sou livre da religiosidade!”.
Não podemos e nem devemos deixar de praticar os princípios morais da palavra de Deus, por mais antiquado que pareça para o mundo, achando que é RELIGIOSIDADE.
Por exemplo, imagina um cristão vivendo uma vida de LIBERTINAGEM, por se achar vivendo a “liberdade de Cristo, livre da RELIGIOSIDADE”.
Se partirem desse pressuposto, então outros podem pensar: “Se eu sou livre em Cristo, não há mais condenação e não vivo mais para a religiosidade, então, vou fazer o que meu coração me levar a fazer. Afinal de contas, Deus só quer o coração, o resto é pura religiosidade!
Jovem, você pode dizer:
Porque não posso usar mini-saia?
Porque não posso me tatuar?
Porque não usar aquelas roupas bem sensuais?
Jesus já me libertou não sou religiosa e nem pratico a religiosidade.
Alguns cristãos estão achando que o Senhor só quer um coração sincero. Um coração que ame ao Senhor independente do que ele faz por fora.
Imagina um jovem cristão conversando com o seu amigo da Igreja sobre um seu Pastor que o corrigiu por alguns tipos de comportamento antibíblicos.
"O Pastor me chamou atenção porque estava dando em cima das irmãs na Igreja; chamou atenção que estava usando calças apertadas, salientando minhas partes íntimas e minha camiseta que demarca os meus músculos!
O meu pastor é muito religioso!
Isso é religiosidade!
Eu sou salvo pela graça, sou justiça de Deus em Cristo!
Outra vez o Pastor me chamou a atenção porque eu estava postando umas fotos sem camisa, mostrando os meus músculos e as irmãs me curtem e quando me vêm nas redes sociais de short.
Um dia, antes de subir para cantar, de ministrar ao Senhor na Igreja, o Pastor me chamou me deu um puxão de orelha novamente!
Isso chama-se RELIGIOSIDADE!
Alguns cristãos querem viver de modo indigno, a velha maneira de viver, se apoiando nas verdade legais de Cristo e dizendo que são livres da religiosidade?
Alguns dos MESTRES que hoje se apegam a isso, ensinando que a "PALAVRA DE DEUS ENSINA O HOMEM NA FIRMEZA DO CARÁTER, E ISSO É O ESSENCIAL".
Muitos deles um dia realmente tiveram uma FIRMEZA DE CARÁTER, a mesma firmeza que Paulo ensinou a Timóteo: Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, e que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus" (II Tm 3.14,15).
Porém não conseguiram essa firmeza, antes pregavam: o "ARREPENDIMENTO GENUÍNO COM UMA MUDANÇA COMPLETA COMO PREPARAÇÃO PARA AGUARDAR A VINDA DO SENHOR".
Perderam realmente o CARÁTER DA PALAVRA e não fazem o que na verdade deveriam fazer: Pregue a palavra, esteja preparado a tempo e fora de tempo, repreenda, corrija, exorte com toda a paciência e doutrina.
Pois virá o tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, sentindo coceira nos ouvidos, segundo os seus próprios desejos juntarão mestres para si mesmos.
Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos. (II Tm 4:2-4)
O que não fazem?
1. Não pregam a Palavra,(pregam o que o povo gosta de ouvir e não o que precisam ouvir e o que Deus quer falar);
2. Não repreendem,(é muito duro, isto afasta o povo);
3. Não corrigem, (seu caráter não permite);
4. Não exorta, (não há autoridade para tal);
5. Não se submetem,(quando fizeram tudo errado, tornaram-se insubmissos e se tornaram seus próprios mestres, fundaram suas comunidades, seus ministérios e são reis de sí mesmo);
6. Jamais aceitarão a verdade, (isto agora tornou-se RELIGIOSIDADE).
Conhece a ORIGEM de seu Pastor e de sua IGREJA, o que ele pregava antes e o que prega agora?
Quando você ouvir esta frase: "DEIXEI A RELIGIÃO, A RELIGIOSIDADE, DEIXEI DE SER RELIGIOSO"
Quem sabe você está entrando em um caminho sem volta e o caminho sem volta te leva a lugar nenhum. Deus te abençoe...
PrJosival S Oliveira SBSSC0912161616RE

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

O QUE PREGAR NOS DIAS DE HOJE...A PALAVRA DE DEUS...E O AVIVAMENTO?...



Jo 14.23..."Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra...".
Hb 12.14..."Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor".
Não temos autoridade para mudar a PALAVRA e nem podemos,
Quem PREGA A PALAVRA NA ÍNTEGRA, está sujeito a nunca mais ser CONVIDADO, a nunca mais ser CHAMADO para Ministrar em muitos lugares,
Porque a BIBLIA é inegociável;
A MENSAGEM DA CRUZ não se VENDE;
A MENSAGEM DA CRUZ não se TROCA,
A MENSAGEM DA CRUZ não se BARGANHA;
A BÍBLIA não tem data de VALIDADE;
A BÍBLIA não está sujeita aos FUNGOS,
A BÍBLIA não se rende à CORRUPÇÃO.
IGREJA, NÃO precisamos de MOVIMENTOS HUMANOS ,
Nós precisamos do MOVIMENTO DA PALAVRA,
Não precisamos de PALHAÇOS nos PÚLPITOS contanto HISTÓRIAS DE CARONCHINHAS para levar e ganhar platéia,
Nós precisamos de CRENTES comprometidos com a VERDADE DE DEUS,
Estão fazendo CULTO DE MILAGRES e não ÀQUELE QUE FAZ O MILAGRE,
Culto de LIBERTAÇÃO e não ÀQUELE QUE LIBERTA,
Não pode haver um CULTO onde DEUS se manifeste e o PECADO PERMANEÇA,
Quando DEUS se MANIFESTA e isso acontece É MENTIRA,
Não foi DEUS que se MANIFESTOU, foi ESPETÁCULO DE EMOÇÃO;
Porque quando DEUS se MANIFESTA, tem que HAVER MUDANÇA,
VOCÊ tem que ABANDONAR a MENTIRA,
VOCÊ tem que DEIXAR a INVEJA,
VOCÊ tem que RASGAR a MINI-SAIA,
VOCÊ tem que extinguir DECOTE,
VOCÊ tem que dá adeus ao BIQUINI,
Você tem que parar de expor seu CORPO ao MUNDO,
Roupa não NÃO SALVA, mas quem é do CÉU sabe como se VESTIR,
RAPAZ, para de colocar a MÃO na sua NAMORADA onde NÃO DEVE,
Se DEUS se MANIFESTA no CULTO, isso tem que acontecer,
Tem surgido um conceito de AVIVAMENTO que não tem nada a ver com a BÍBLIA, nada a ver com o EVANGELHO,
Dizem que avivamento é COLOCAR a IGREJA PARA MARCHAR. Não, não e não,
Todos os GRANDES AVIVAMENTOS que aconteceram na ERA DA IGREJA deram ÊNFASE A SANTIDADE DA IGREJA e a SANTIFICAÇÃO DOS CRENTES(Billy Graham),
AVIVAMENTO é ouvir nos NOTICIÁRIOS:
A VIOLÊNCIA diminuiu,
A CRIMINALIDADE tornou-se coisa rara,
O TRÁFICO DE DROGAS enfraqueceu,
Os PROSTÍBULOS ESTÃO EM COLAPSO fechando as portas,
Empresas estão sendo INFLUENCIADAS pelo EVANGELHO,
Escolas estão adotando a BÍBLIA e a ORAÇÃO no inicio de cada aula,
AVIVAMENTO é ver minha RUA E MEU BAIRRO movidos pelo PODER DE DEUS,
AVIVAMENTO é ver as PESSOAS ABANDONAREM o PECADO,
AVIVAMENTO é ver o ARREPENDIMENTO na vida das PESSOAS,
AVIVAMENTO é ver crentes em LÁGRIMAS dizerem: MISERICÓRDIA JESUS, MISERICÓRDIA.
MARCHA NA IGREJA, MARCHA PRA JESUS, não é AVIVAMENTO, pois os mesmos que MARCHAM na IGREJA e MARCHAM PARA JESUS
Não respeitam sua LIDERANÇA,
Desacatam LÍDERES,
São INSUBMISSOS e por qualquer COISA saem da IGREJA e então, SURGE um NOVO MINISTÉRIO,
Não existe AVIVAMENTO em quem chora na IGREJA e em casa bate na esposa, espanca os filhos,
Não há AVIVAMENTO onde GRUPOS DE LOUVOR que tocam e cantam e quando termina sua PARTE, saem para CONVERSAR e trocar idéias na hora da PREGAÇÃO DA PALAVRA, pensando que o CULTO é só na HORA DO LOUVOR,
Não é AVIVAMENTO quando a PALAVRA tem uma TAXA para se PREGAR
Não é AVIVAMENTO quando o PREGADOR quer receber a GLÓRIA que é daquele que MERECE toda HONRA e toda GLÓRIA,
AVIVAMENTO é dizer para um GUARDA DE TRÂNSITO: "PODE MULTAR MAS EU NÃO VOU ME CORROMPER EM BARGANHAR A MULTA, EU SOU CRENTE, SIRVO A DEUS E NÃO FAÇO ESSE TIPO DE NEGOCIAÇÃO",
AVIVAMENTO é você HONRAR sua LIDERANÇA tanto na AUSÊNCIA, quanto na PRESENÇA deles,
AVIVAMENTO é você RESPEITAR O PRÓXIMO,
AVIVAMENTO é você comprar e PAGAR,
AVIVAMENTO é você emprestar e DEVOLVER,
Vivemos hoje numa GERAÇÃO SUPERFICIAL que CANTA mas NÃO ADORA,
Que NÃO FREQUENTA os CULTOS DE ORAÇÃO,
Que NÃO RESPEITA PAI e MÃE,
Que NÃO RESPEITA A PALAVRA,
Que na HORA DO CULTO, DEUS ESTÁ FALANDO e ela está no CELULAR nas REDES SOCIAIS...
AVIVAMENTO É MUDANÇA TOTAL, PREGAÇÃO DA PALAVRA E TRANSFORMAÇÃO DE VIDAS...

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

SANTA CEIA


SANTA CEIA

I Co 11.23-31...
A Santa Ceia é uma ordenança para que a Igreja celebre de forma comemorativa e memorial, usando o PÃO  e o VINHO no ambiente de Culto e isso deveria ser repetido e observado pela Igreja.
A Bíblia não estabeleceu quantas vezes deveria ser feito, algumas Igrejas realizam semanalmente, outras mensalmente e ainda outras anualmente.
"E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração". At 2.46
O texto nos dá a entender que a Igreja Apostólica usava esta comunhão todos os dias, no entanto não há uma definição de tempo para isto, mas por causa da comunhão, da proximidade e do bem que ela trás, creio que uma vez por mês seria o ideal e isto se torna mais sensato, não que os outros não estejam corretos.
Porque foi ordenada e o que significa?
Porque a celebramos?
Porque a comemoramos?
Porque ela é feita com o Pão e Vinho?

Quando Jesus a ordenou em Mateus 26, foi celebrada no mesmo período de uma festa judaica, nos dias de sua morte foi neste mesmo período que Jesus foi crucificado e morreu, a Páscoa.
Então a Santa Ceia tem uma ligação, uma identificação com a Páscoa dos judeus:
·         Ela está totalmente envolvida com a Páscoa,
·         A Santa Ceia é a nossa Páscoa,
·         Jesus foi a nossa Páscoa,
·         Ele é o Cordeiro Pascal,
·         Quando celebramos a Ceia, estamos celebrando a Páscoa do Novo Testamento.

O que era a Páscoa?
O termo "Páscoa" deriva, através do latim Pascha e do grego bíblico Πάσχα Paskha, do hebráico פֶּסַח (Pesaḥ ou Pesach), a Páscoa judáica.
Ela está descrita em Êxodo capítulo 12, Israel esteve no cativeiro egípcio por 430 anos quando então Deus levanta o libertador, Moisés e castiga o Egito com 10 pragas. Até a nona praga o povo permanece aprisionado então Deus castiga com a 10ª praga que na verdade é um juízo de Deus sobre a terra, e nele todos os primogênitos são mortos inclusive o primogênito de faraó.
O anjo da morte passaria por toda terra do Egito inclusive sobre os filhos de Israel, no entanto Deus dá um escape para o seu povo para que eles não fossem alcançados teriam que sacrificar um cordeiro macho, sem ruga e nem mancha e cada chefe de família teria que aspergir o seu sangue nos umbrais das portas, este anjo então passaria ao largo sem morte, pois alí havia o sangue do sacrifício, daí vem o nome original (Pesaḥ ou Pesach) passar por cima, poupar da morte, livrar.
Então Deus manda fazer pães asmos, sem fermento para comemorar a Páscoa, a saída de Israel do Egito, o livramento e a liberdade de Israel, isto é a Páscoa.
Com este ato eles comemorariam a saída, a libertação e o livramento de Israel da servidão de faraó e do Egito, comendo os pães asmos.

Qual a identificação com a CEIA?
Aquela era a aliança do antigo pacto, do antigo concerto que resumia-se em sacrifício de animais, resumia-se em celebrar a páscoa comendo pães asmos e sacrificando novilhos machos sem defeito e isto era a celebração da saída do Egito.
No Novo Testamento agora é a NOVA ALIANÇA, a humanidade está sob o cativeiro do inimigo, estão sob o controle e o domínio do pecado, a ira de Deus se revela do céu contra toda impiedade humana, cativa de satanás e prisioneira do pecado.
Agora Jesus, através da CEIA  que é a nossa Páscoa, vem como um Cordeiro Macho, sem pecado, sem ruga e sem defeito e João Batista olha para Jesus e diz:  "... Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo". Jo 1.29.
Ele é o cordeiro sacrifical e oferece sua vida, é esmagado na cruz, seu corpo é o pão asmo sem fermento e derrama seu sangue(vinho) para nos livrar da condenação e morte, pois sem derramamento de sangue não há perdão: "De fato, conforme a Lei, quase todas as coisas são purificadas com sangue, e sem derramamento de sangue não há perdão de pecados." Hb 9.22
Jesus foi o sacrifício vicário, substitutivo, propiciatório em nosso lugar e isso aplacou a ira de Deus sobre nossas vidas:
·         Portanto aquele que crê,
·         Aquele que recebe o sinal do sangue em sí,
·         Que recebe a marca do sangue em sí,

A ira de Deus, o castigo de Deus e o juízo de Deus passa por cima e não condena àqueles que crêem no Cordeiro e declaram que Jesus é a nossa Páscoa.
A SANTA CEIA celebra a nossa saída do pecado, a nossa libertação do pecado, a nossa libertação das mãos de faraó(inimigo), passamos da morte para a vida, fomos libertos de cativeiro e o pecado não tem mais domínio sobre nós: " Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça". Rm 6.14
Esse é o sentido da CEIA, a comemoração da nossa redenção, da nossa salvação, do perdão dos nossos pecados, da vida eterna através da morte do Cordeiro Pascal chamado Jesus. Seu corpo foi dado como objeto de escárnio para aplacar a ira Divina e seu sangue vertido de forma substitutiva em nosso lugar.
No Antigo Concerto o sangue final era aspergido sobre a tampa do propiciatório (lV 16.14,15) e aquilo aplacava a ira Divina pois Deus recebia como oferta pelo pecado e isto acontece na Cruz do Calvário, por esta razão o anjo da morte agora passa por cima e não podemos mais ser condenados.
Depois da saída do Egito a Páscoa deveria ser realizada todo dia 14 de Abibe ou Nisã e Israel uma vez por ano comemorava o Pesaḥ ou Pesach a Páscoa.

Porque eles comemoravam?
1.      Para trazer a memória que foram tirados do Egito com mão Poderosa,
2.      Que Deus aplacou a ira de sobre eles,
3.      Que Deus deu livramento a eles,
4.      Que Deus poupou eles,
5.      Que Deus os tirou da servidão, do cativeiro e os introduziu numa terra que mana leite e mel.

Na mesma semelhança Jesus disse:  "E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim".
"Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice anunciais a morte do Senhor, até que venha". I Co 11.24,26
Em outras palavras, façam a CEIA, comemorem regularmente para lembrarem que eu tirei vocês do cativeiro, que eu perdoei os vossos pecados, para lembrar que eu morri em vosso lugar, eu os substituí.
Esse é o objetivo da CEIA.
De Todas as festas judáicas a Páscoa era a mais importante e todas as vezes que eles comias as ervas amargas eles se lembravam do cativeiro, da servidão do Egito, para saberem de onde saíram.
Quando celebramos a CEIA, deve ser a celebração de maior reverência pois ele mesmo disse que é como um MEMORIAL, o seu sacrifício para nossa redenção, a nossa salvação, a nossa reconciliação.
Vamos lembrar então que há quase dois mil anos passados, Deus se fez carne, habitou entre nós, justo, perfeito, sem mácula, sem defeito, não houve nada que o desabonasse e mesmo assim foi condenado inocentemente para morrer no madeiro sob a maldição da Lei, crucificado, transpassado pelos nossos pecados e uma coroa de espinhos colocada em sua cabeça pelos nossos pecados, em nosso lugar para que através dEle, fóssemos feitos sua justiça.
O Pão asmo é o seu corpo, rasgado, repartido, sem fermento mostrando a impecabilidade de Cristo.
O Cordeiro deveria ser macho, sem mancha, sem defeito, sem mácula,
O sacrifício para expiação do pecado pela humanidade teria que ser Santo, Puro, sem Pecado e o pão asmo aponta para este corpo sem pecado.
Hebreus diz que: "...sem derramamento de sangue não há remissão". Hb 9.22
Levíticos 17.11 diz:  Porque a vida da carne está no sangue; pelo que vo-lo tenho dado sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma.
Para que houvesse perdão, alguém precisava ocupar nosso lugar e quando Jesus derramou seu sangue, deu-nos a vida, deu-se em resgate, o sangue da propiciação é o sangue substitutivo, sangue do pacto, sangue do concerto, o preço que foi pago: "Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais,
Mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado". I Pe 1.18,19
"Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus". I Co 6.10
Isto é o significado da Santa CEIA

Como celebrar e os cuidados que devemos ter na Santa Ceia I Co 11.23-31
Como tomá-la, como participar dessa mesa, como participar dessa festa, da nova aliança.
Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem. I Co 11.30
Há muita gente fraca na Igreja, falta de oração, falta de leitura da Bíblia, falta de sinceridade para com Deus, falta de santidade e Paulo adverte fracos na fé, doentes espiritualmente e muitos que já dormem afastados dos caminhos Senhor, Paulo está falando com a Igreja quando diz "entre vós".

Qual a causa disso tudo?
Tomar a CEIA indignamente, tomar a CEIA sem pudor, sem reverência, em pecado, sem respeito pelo SANTO PÃO e pelo SANTO VINHO, símbolos da NOVA ALIANÇA. isto faz crente enfermo, pois quem come e bebe sem discernir o corpo e o sangue, come e bebe para sí o juízo.
Os coríntios estavam tomando a CEIA de maneira errônea, inadequadamente, sem reverência:
·         Era uma Igreja de outras línguas,
·         Cheia do Espírito Santo que manifestava os dons espirituais,
·         Porém, uma Igreja carnal,
·         Obstinada,
·         Rebelde,
·         Cheia de sí e sem amor.

Eles celebravam a CEIA e posteriormente um banquete e na verdade a CEIA era apenas um pano de fundo para o banquete a que se juntavam e sua importância era superficial, o sagrado perdeu sua importância, por esta razão Paulo entre em cena para tratar:
·         Da ordem,
·         Da decência,
·         Do pudor e,
·         Do temor no ato da celebração.

Primeiro aspecto para se tomar a CEIA de forma correta:
Nisto, porém, que vou dizer-vos não vos louvo; porquanto vos ajuntais, não para melhor, senão para pior. I Co 11.17
Paulo estava dizendo: "A celebração da CEIA de vocês não está sendo bem vista aos olhos de Deus, Deus não está se agradando deste culto de CEIA", pois vocês estão se reunindo para pior e não para melhor, é uma glutonaria, uma imoralidade, uma falta de temor, uma irreverência.
Uma REVERÊNCIA e REPEITO PLENO por um ato tão sublime.

Segundo Aspecto para se tomar a CEIA de maneira correta:
Porque antes de tudo ouço que, quando vos ajuntais na Igreja, há entre vós dissensões; e em parte o creio.
E até importa que haja entre vós heresias, para que os que são sinceros se manifestem entre vós. I Co 1.18,19
Havia divisão, dissensão, devassidão e competição entre eles, havia partidos entre a Igreja, ricos de um lado, pobres de outro, familias de um lado e famílias de outro.
Há barreiras entre irmãos, não se falam, não olham no rosto um do outro, não perdoam e não sabem perdoar, deve ao irmão e não paga, ofende e não pede perdão.
A CEIA não é uma divisão, é para todo corpo de Cristo, uma unanimidade, coletiva. A CEIA envolve a Igreja e não um membro, envolve o corpo e não um grupo, a união da Igreja está na comunhão.
Para você tomar a CEIA é preciso:
·         Entender a dor dos outros,
·         Repartir entre os que faltam,
·         Frequentar a casa dos irmãos e abrir a casa para os irmãos isto é uma vida em comunidade, em corpo, em família.

Tire o individualismo, o egoísmo, uma vida à parte. Crente que só vem aos domingos, não vive a vida da Igreja, a rotina diária do corpo, não conhece a dor dos outros, que não participa da vida pessoal, não participa das dores, das alegrias não convive em comunidade, não pode tomar a CEIA pois ela é celebrada no CORPO DE CRISTO, a IGREJA e pode estar tomando a CEIA indignamente.
Remova a barreira: Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta.
Concilia-te depressa com o teu adversário, enquanto estás no caminho com ele, para que não aconteça que o adversário te entregue ao juiz, e o juiz te entregue ao oficial, e te encerrem na prisão. Mt 5.23-25
É preciso haver concerto, perdoa, pede perdão, destrói o destruidor, das mágoas e dos ressentimentos para não ser achado indignamente e réu do corpo e do sangue.

Terceiro Aspecto para se tomar a CEIA de maneira correta:
Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice anunciais a morte do Senhor, até que venha. I Co 11.26
Aqui é uma celebração ao Sagrado, ao Divino, é em memória do Salvador, é para honra dEle, é para Glória dEle e ao seu corpo e seu sangue que está sendo celebrado, é sagrado, é santo, com total reverência, com total temor.
Aqui a Santidade entra em ação em todos seus aspectos: Fisico e Espiritual, o meu andar, o meu viver, o meu pensar, o meu agir, o meu falar.
Lembremos de onde viemos, onde estamos e para onde vamos depois que a morte e o sacrifício de Jesus ocuparam o lugar nas suas vidas.
Agora nascidos de novo e agora herdeiros: E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados. Rm 8.17
Quando Moisés tirou o povo do Egito foi para levá-los a Canaã, nós estamos sendo conduzidos para chegar na Nova Jerusalém.

Quarto Aspecto para se tomar a CEIA de maneira correta:
Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice. I Co 11.28
·         É preciso haver preparação antes de tomar a CEIA
·         Eu preciso saber o quanto é importante,
·         Eu preciso saber o quanto é sagrado,
·         Eu preciso saber a sua simbologia,
·         Eu preciso saber da grande responsabilidade.

Paulo não pediu para os coríntios não tomarem, pediu para eles se prepararem para fazer este ato tão importante.
Com temor, sem pecado para não cair nas mãos de Deus e ser sentenciado pela justiça Divina.
Examine a sí mesmo no coração, na consciência, no íntimo.
·         A Preparação não é na hora,
·         É necessário chegar na CEIA já preparado,
·         Dias de Preparação,
·         Dias de Comunhão,
·         Dias de Consagração,
·         Dias de Leitura da Palavra,
·         Dias na presença de Deus para participar do ato mais sublime da Igreja.
Santa Ceia é símbolo de redenção, salvação, pacto e aliança, mas, tomar de forma inadequada é trazer juízo e justiça Divina à sua vida por profanar o corpo e o sangue de Cristo.

Há quatro grupos que participam da CEIA:
1. Soldados Romanos - participavam inadequadamente, irreverente, zombavam, escarneciam, rasgavam as vestes, faziam sorteio. Esta é a Igreja mundana, ela faz e participa, porém de maneira irreverente, faz um comércio, ímpia, carnal.

2. O Centurião - quanto ele viu tudo acontecendo disse: Verdadeiramente este era o Filho de Deus, ele reconheceu a Divindade de Jesus, na Santa Ceia devemos ver e reconhecer a Divindade daquele que é, e comemorar a morte, sepultamento e ressurreição.

3. Os 10 discípulos - eles fugiram do acontecido, não estavam presentes, não deu tempo de verem o ato, se não estiver pronto é bom não participar e não ver o ato sacrificial de Cristo.

4. João e Maria - estavam presentes até no ato final, a Igreja precisa participar da CEIA, deve participar, deve estar presente, pois é um ato de comunhão com aquele que pagou um alto preço pela sua redenção.

Então...Vamos à CEIA?
                                                       PrJosivalSOliveira - SBSSC131016RE2328

























sábado, 27 de agosto de 2016

É POSSÍVEL MUDAR ESTA GERAÇÃO




Agora é MODA na Igreja é o divórcio, 
Pastores divorciados, 
Líderes divorciados, 
Membros divorciados, tudo se tornou normal.
Mas o que houve?
Enjoei dele(a), não dá mais, não bate, não tem mais clima...
Fornicação hoje, deixou de ser pecado,
Virou MODA, ficar.
Se der certo a gente continua e até casamos, se não der partimos para outro(a), pode não ser ainda a vontade de Deus;
Virou moda jovens solteiros(as) dormirem na casa do(a) namorado(a) e com o(a) namorado(a)...I Tes 5.22... "Fugí de toda aparência do mal".
Uma das fortes características dessa geração, comparada a geração de Eli, é que ela gera filhos carnais, desobedientes, sem nenhum temor a Deus.
É a geração que abomina roupa de crente,  
É a geração que abomina se vestir como crente, 
É a geração que diz: ROUPA NÃO SALVA, mas esquece que quem é do CÉU, sabe como se VESTIR.
É a geração que se preocupa com todas as partes do corpo,
É a geração da ACADEMIA, da MALHAÇÃO, dos ESPORTES,
É a geração que se preocupa com tudo, menos com os joelhos, não se DOBRA e não ORA,
É a geração das mãos de LÃ. 
Se o irmão é um bom dizimista, ofertante e contribuinte na Igreja e cai em pecado, passa-se a mão com calma nele, não fale a verdade, minimiza, mas, se o irmão humilde, pobrezinho comete um deslize, mata, disciplina, põe no banco, acaba com ele;
Para os de bem, os favores da lei e para os outros os rigores.
É tempo desta GERAÇÃO PERDIDA dar meia volta e fazer um RETORNO para DEUS,
É tempo desta GERAÇÃO, ORAR, se HUMILHAR, BUSCAR a face de DEUS e se CONVERTER dos seus MAUS CAMINHOS;
É tempo de Deus começar um RENOVO ESPIRITUAL,
Não VEMOS e nem OUVIMOS mais nossos altares, mensagens sobre SANTIDADE, sobre ADULTÉRIO, sobre SUBMISSÃO, REBELIÃO e a eminente VOLTA DE JESUS;
A Igreja hoje está recheada de TEOLOGIA, FILOSOFIA, PHD em todos os sentidos, menos PHD na Palavra de Deus,
Uma GERAÇÃO sem CONHECIMENTO real de DEUS e da SUA PALAVRA, 
Uma GERAÇÃO sem Bíblia, perecendo por falta de conhecimento.
Os 4.6.."O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento...";
Jo 8.32..."E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará".
A PALAVRA DE DEUS não precisa de INVENCIONICES, ela está recheada das bondades, da misericórdia e dos grandes mistérios de Deus para um povo que se chama pelo SEU NOME.
No entanto, para viver as BONDADES, a MISERICÓRDIA e conhecer os MISTÉRIO de DEUS é preciso de INTIMIDADE com ELE(Sl 25.14), e essa intimidade vem através de Jejum, Consagração, Joelhos no chão, abandonar os erros e fazer um conserto com Deus.
É preciso fazer o CONFRONTO DO JABOQUE(consigo mesmo, com o próximo e com Deus) e o ENCONTRO DE PENIEL(consigo mesmo, com o próximo e com Deus).
Quando Jesus chega diante no túmulo de Lázaro depois de quatro dias, este cheirava mal,
O pedido era não mexer, não havia mais jeito, cheirava mal;
Muitos hoje preferem deixar Lázaro morto do que mexer e remover tudo aquilo que cheira mal dentro da Igreja,
Preferem ver meia dúzia pecando do que mexer no que cheira mal,
É tempo de levantar Igreja, 
É tempo de contemplarmos os milagres, 
Mas, só haverá ressurreição se mexermos naquilo que cheira mal em nosso meio,
É tempo de ressurreição, precisamos ressuscitar os Lázaros mortos dentro da Igreja, 
É hora de mexer em tudo e com tudo, e muito mais Lázaros irão ressuscitar,
Com certeza, quanto mais mexermos,  Lázaros sairão do túmulo, ficarão de pé e serão desatados.

Ministérios que estão mortos ressuscitarão, 
Lideranças que estão atadas ressurgirão e serão desatadas, 
Então haverá festa e milagre no meio do povo de Deus.
Já é TEMPO, está na HORA...

Pesquisar este blog